Página Inicial --> Agenda --> Dia das Mães é para refletir…

Dia das Mães é para refletir…

O Dia das Mães acabou se transformando num grande evento comercial.  Para muitos, a data é meramente uma ocasião de consumo. Para nós, é ocasião de se refletir sobre a importância das Mães e o carinho que a elas nós dedicamos.

As origens do Dia, entretanto, são mais nobres, mantendo relação estreita com as lutas das mulheres nos séculos XIX e XX.

As primeiras comemorações do Dia das Mães datam das celebrações da Grécia antiga, do dia de Rhea – a mãe dos Deuses. 
Na Inglaterra, no Século XVII, comemorava-se o dia das Mães no quarto Domingo da Quaresma, dia em que todos os empregados eram mandados para casa para passarem o dia com suas mães. Um bolo especial, o “mothering cake” ou bolo das mães era feito nestas datas para fornecer um toque festivo de confraternização e união. 
Com o crescimento do Cristianismo na Europa, a celebração mudou para “Mother Church” – um poder espiritual que lhes dava vida e proteção. Com o avanço do tempo, o festival da  igreja comemorava o Domingo Materno e as pessoas começaram a homenagear  suas mães juntamente com a igreja

Em 1865, a ativista norte-americana Ann Maria Reeves Jarvis propôs a criação do Mother’s Friendship Day, algo como dia da solidariedade entre mães ou das mães solidárias, como parte de uma campanha de sensibilização em favor dos feridos e mutilados da recém-concluída Guerra de Secessão norte-americana. 

Ann Maria Reeves Jarvis

A data, no entanto, só virou uma comemoração oficial nos Estados Unidos em 1914 num formato bem próximo do evento comercial que temos hoje. Jarvis várias vezes manifestou sua decepção com a transformação de um dia de solidariedade em uma campanha de vendas e lutou para pôr fim à data que ajudou a criar.

No Brasil, o Dia das Mães também foi instituído por iniciativa de uma organização política e social, a Federação Brasileira para o Progresso Feminino, ainda nos anos 1930. Mas logo foi transformada, como nos Estados Unidos, num evento de vendas e hoje é a segunda data mais importante do varejo nacional, perdendo apenas para o Natal.

Sobre Paulo Roberto Machado

Jornalista e Radialista Profissional, graduado em Comunicação Social e Pós Graduado em MKT pela PUC de Campinas, trabalhou, em Campinas e em São Paulo, durante anos na Rede Globo de Televisão - TV e Rádio, na Bandeirantes - Rádio e TV e na antiga TV Manchete como repórter, editor e apresentador e âncora de Telejornais e programas de Debate. Formado em Teologia pelo Seminário Teológico Batista Ágape.

Leia Também

Programa de Rádio dos Comunicadores

Quarta-feira – 20hs. Domingos 4hs. A Central de Rádio e Notícias, da cidade de Itatiba, …